/  Dicas   /  5 dicas para planejar a reforma de fim de ano
dicas-de-pintura

5 dicas para planejar a reforma de fim de ano


Planejar a reforma de fim de ano é algo importante, sob vários aspectos. Por exemplo: já pensou você deixar tudo para a última hora e ter que lidar com preços mais elevados, devido à alta procura de materiais?

Ou ainda, até mesmo a falta de determinados itens e produtos? Sem contar com o fato de que, quando você se programa e planeja, sabe exatamente quais serão os custos e não compromete seu orçamento, certo?

Se você está no momento de planejar a clássica reforma de fim de ano, para dar aquele ‘tapa no visual’ do seu imóvel ou comércio, renovar a pintura e fazer determinados ajustes e acertos na casa, então você veio ao lugar certo.

No post de hoje aqui no blog do Clube das Tintas, abordaremos dicas incríveis que vão te ajudar a se planejar da melhor forma, para a execução da reforma.

Com isso, você entrará o próximo ano com o imóvel perfeito, bonito e renovado, com novas energias e uma atmosfera vibrante para inspirar apenas coisas boas no ano novo.

Preparado? Preparada? Então continue a leitura deste artigo que é sucesso!

Planejar a reforma de fim de ano: a forma mais rápida é pintar o ambiente

Antes de mais nada, por mais que contemos com uma infinidade de possibilidades quando o assunto é renovar e reformar o lar ou imóvel, as mais simples, prática, rápida e barata, é a pintura.

Mais do que isso: a pintura dos ambientes, com a aplicação de tinta e cor é aquele tipo de reforma mais visível aos olhos.

Aquela parede desbotada, a tinta descascando,  mesmo aquele portão enferrujado, tem na pintura, uma espécie de renascimento.

Sendo assim, ao planejar a reforma, pense primeiramente no quanto pode ser benéfico pintar a casa e a partir disso, estipule os próximos passos para a execução e conclusão dessa reforma, conforme abordaremos a seguir.

Dicas para planejar a reforma do fim de ano: defina prioridades

A dica acima certamente é um bom norte a seguir. Contudo, antes de mais nada, é sempre importante definir as prioridades.

Por exemplo:

  • Quais partes da casa necessitam de mudança? Preferencialmente, pensando já em algo para ser concluído antes de acabar o ano, o ideal é apostar na renovação do acabamento. É o caso da pintura, ou mesmo da troca de revestimentos, entre outros aspectos.
  • Pensando na pintura dos ambientes, faça um orçamento de tudo o que irá precisar, como por exemplo, tintas e tipos de tintas, utensílios de pintura, como rolo, lixa, etc.
  • Defina cores, se usará texturas, se aplicará em algum dos ambientes, papel de parede, entre outros aspectos.
  • Pesquise os valores e invista sempre em produtos que promovam o melhor custo x benefício. Uma tinta de boa qualidade, pode muitas vezes ter um preço aparentemente maior. Contudo, uma tinta ruim e baratinha, pode necessitar de várias quantidades para pintar a parede e ainda assim, não promover um bom resultado. Enquanto isso, uma única lata de tinta com boa qualidade já pode ser o bastante, saindo até mais barato do que comprar várias unidades da tinta ruim.
  • Sempre realize o cálculo da metragem, bem como quantidade de produtos que serão utilizados na reforma. Isso é fundamental para que não sobre produtos, tampouco falte, e você já terá uma visão fiel dos custos da reforma, ajustando assim da melhor forma o seu orçamento.

Preparando o ambiente para a reforma de fim de ano

Como elegemos a pintura como a opção mais prática para uma reforma rápida, é interessante então planejar a pintura em si.

E isso implica basicamente na preparação do ambiente, tanto da parede que receberá a nova pintura, quando do espaço físico onde ocorrerá a reforma.

Sendo assim, vamos por partes:

  • Prepare a superfície que será pintada

A parede do cômodo ou até mesmo a fachada, está com rachaduras e fissuras? O reboco está caindo? A tinta está descascando? Em hipótese alguma comece a pintura, sem antes resolver estes problemas.

Caso contrário, você irá desperdiçar tempo e dinheiro, afinal, o acabamento ficará ruim, e a pintura deixará a desejar.

Sendo assim, mofos, possíveis vazamentos, umidade, devem ser tratados e retirados da parede, antes da pintura.

Se for preciso, contrate um profissional para identificar vazamentos. Aplique massa corrida nas fissuras e aguarde o tempo de secagem, depois, lixe para fazer o acabamento.  Limpe a  parede com um pano e espere secar, para somente depois realizar a pintura.

  • Prepare o ambiente

Cozinha, sala, quarto, não importa qual será o cômodo a se pintar. Fato é que o espaço físico do ambiente deve ser ‘amigável’ à reforma. Ou seja, é preciso ter o máximo de espaço para a pintura. A princípio, retire do local os móveis e objetos.

Já aqueles itens que não podem ser retirados do local, devem ser protegidos. O uso de lonas para cobertura é importante para evitar que caia tinta e respingos, que poderiam estragá-los.

Além disso, o piso deve ser totalmente coberto para que a tinta não manche ou estrague-o.  Sendo assim, também é preciso cobri-los.

Dica bônus

Para encerrar, temos uma dica extra que certamente vai ajudar na sua reforma de fim de ano: acesse o link “Reforma de fim de ano – dicas para não errar na pintura das paredes.”

Nele, você terá mais dicas importantes para realizar a pintura dos seus sonhos!

Aproveite e compartilhe este post com seus amigos! Até a próxima!