/  Dicas   /  Como lixar e pintar parede

Como lixar e pintar parede

É quase certo que você alguma vez já se fez o seguinte questionamento: “Qual é a melhor maneira de pintar paredes já pintadas?”

Afinal, vai chegar um dia em que será necessário fazer a manutenção da pintura das paredes e dar ao ambiente, um novo estilo e cor, não é verdade?

Além dessa situação acima, podem surgir muitas outras em que lixar e pintar parede seja preciso. Mesmo paredes sem ter sequer uma única mão de tinta, precisam ser lixadas antes, para que fiquem no ponto exato de pintura.

Lixar aliás, é fator determinante para o sucesso da pintura, uma vez que será necessário começar o processo de pintura com uma superfície perfeitamente lisa.

Se você quer fazer a coisa certa, sem “atalhos” que posteriormente colocarão a perder todo o trabalho de pintura e decoração, então continue conosco. No post de hoje, falaremos como preparar a parede antes de pintar, como executar o processo de lixar e como pintar a parede com extrema eficácia.

Preparado (a)? Então continue conosco e acompanhe!

Lixar paredes para a pintura

Em linhas gerais, o processo de lixamento de paredes cria o que chamamos de base suave e uniforme. Ou seja, ele otimiza  de forma considerável a capacidade de se obter um acabamento final da pintura praticamente perfeito.  Lixar a parede cria a “liga” ideal  entre a superfície da parede e a tinta que será aplicada.

Para lixar a parede, primeiramente verifique a situação dela. Um diagnóstico prévio precisa ser feito.

Para tanto, responda as seguintes perguntas:

  • Há buracos e fissuras na parede?
  • Há manchas de mofo?
  • O reboco está caindo ou descascando?
  • Tem vazamento de cano ou umidade?

De acordo com a resposta para cada questionamento acima, será preciso, antes de lixar a parede para a pintura, solucionar a problemática encontrada.

Umidade e mofo pode ser indício de vazamento no encanamento ou problemas na calha, por exemplo,

Sendo assim, será preciso solucionar primeiro o que acarreta a umidade, para só depois investir na pintura da parede.

No caso do reboco solto, buracos e fissuras, também será preciso fazer a manutenção da parede. Se for aplicada massa, por exemplo, ela deverá também ser lixada, sempre respeitando o tempo necessário de maturação da mesma, para só depois executar o processo de lixamento.

Materiais necessários para lixar parede

Você vai precisar de poucos materiais para lixar a parede para a pintura. Isso inclui uma máscara para não respirar a poeira, lixas de parede e uma escada para que possa lixar as partes mais altas e até mesmo o teto, caso seja necessário.

Basicamente, o processo de lixar paredes se divide em 2 passos:

Passo 1

Pegue um pedaço de lixa de parede e esfregue na parede. Procure lixar de uma maneira  suave, toda a superfícies. Faça  movimentos circulares e tente cobrir toda a extensão da parede.

Passo 2

Procure limpar cuidadosamente a parede após lixar, bem como toda a extensão do cômodo.

Dicas extras sobre como lixar

Uma boa alternativa para lixar as paredes é comprar um suporte para lixa. Com este acessório, você ganhará tempo, afinal, ele otimiza a produtividade,

Outra possibilidade que pode ser interessante, é o uso de lixadeiras elétricas. Caso você tenha uma ou pretende adquirir uma, é também uma opção a se considerar, sobretudo se você trabalha com pintura ou pretende fazer várias reformas.

No caso de adotar uma lixadeira elétrica, certifique-se de que você possui todos os equipamentos de proteção necessários.

Da  máscara para pó, até o protetor auricular, ainda será preciso lançar mão dos óculos de segurança e de um par de luvas para manter as mãos protegidas.

Para encerrar as dicas extras de como lixar a parede, procure fazer o serviço com paciência, sem pressa, e verificando atentamente a parede. Procure criar um ambiente com bastante luz e claridade para que o trabalho seja feito de maneira mais precisa.

Como pintar parede

Agora que a parede está “zerada”, você já fez a manutenção necessária, lixou a limpou, é chegado o tão aguardado momento da pintura da parede.

Para tanto, faça o check list dos itens que você vai precisar:

  • Lata de tinta da cor ou das cores escolhida (s);
  • Pinceis;
  • Rolos;
  • Cabo extensor;
  • Fita crepe;
  • Lonas, plásticos e jornais velhos;
  • Boné;
  • Roupa velha;
  • Pano para limpar possíveis escorrimentos de tintas;
  • Bandeja para colocar tinta;
  • Cabo misturador de tinta;
  • Óculos de proteção;
  • Escada;

Antes de pintar a parede, cubra os pisos e os móveis com a lona, plásticos ou jornais. Cubra rodapés e interruptores com a fita crepe.

Arraste ou tire os móveis que permitam deslocamento fácil, para evitar que eles possam ser atingidos pela tinta, mesmo que cobertos.

Vista uma roupa velha, que possa ser manchada de tinta sem maiores problemas e utilize acessórios como o boné, para evitar que pingue tinta diretamente em seu coro cabeludo.

Óculos também é importante para evitar que caia tinta nos olhos e as luvas para que a mão não seja pintada.

Encaixe o rolo no cabo extensor. Abra a lata da tinta que você escolheu, misture a tinta e molhe o rolo na bandeja de tinta.

Aplique a primeira demão na parede e siga as instruções em relação ao tempo de espera e secagem entre uma mão e outra, ok?

Para complementar as informações deste post em relação à pintura e tintas, leia este post a seguir:

TUDO O QUE PRECISA DE SABER SOBRE TINTAS E PINTURAS

Na dúvida sobre quanto de tinta deve comprar? Abaixo a solução:

QUANTOS LITROS DE TINTA COMPRAR?

Dúvidas? Entre em contato com a equipe do Clube das Tintas!

Deixar um Comentário