/  Dicas   /  Como pintar uma parede já pintada com textura

Como pintar uma parede já pintada com textura


Como pintar uma parede já pintada com textura? Já pensou nessa possibilidade?

Lembra quando, num belo dia, ao perceber que era preciso pintar uma parede, você quis inovar e buscar um efeito diferenciado? A textura trouxe uma nova perspectiva decorativa e estética, agradando em cheio!

Contudo, o tempo passou e você novamente sentiu que é chegado o momento de renovar e apostar em uma nova pintura no ambiente do seu lar, ou até mesmo da empresa e escritório, certo?

Mas, de que maneira pintar uma parede já pintada com textura? Será que é possível?

Antes de mais nada, é importante que você tenha em mente que o fato de ter uma parede com a aplicação de textura, não é uma barreira para novas pinturas, tampouco novas texturas.

Se você simplesmente desejar realizar a manutenção da textura atual, renovando a aparência, você pode simplesmente fazer por meio da repintura.

Porém, a dúvida que sempre surge, quando ainda não temos experiência no assunto, é a seguinte:

É simples mudar a cor da parede, quando ela já conta com uma textura? A resposta é: depende.

Se você seguir as dicas dos nossos especialistas no assunto, certamente que pintar uma parede será uma tarefa simplificada, tranquila e com um acabamento impecável.

Então, se você quer atingir esse resultado magnífico, continue a leitura. As dicas que trarão o sucesso em sua empreitada estão aqui, confira!

Pintar uma parede que já conta com textura ou grafiato : é viável remover a textura antes de pintar?

A pergunta acima pode ser respondida com outra pergunta: será que você precisa retirar a textura ou grafiato, antes de pintar a parede?

Fato é que você pode sim retirar a textura, contudo, isso não é algo essencial para reformar o ambiente e mudar as cores, repaginando o imóvel.

O processo de retirar a textura é um tanto quanto trabalhoso, pois necessita de lixa grossa ou espátula e, posteriormente, aplicar uma nova camada de massa. Esse revestimento pode tanto ser com massa corrida ou gesso.

Apenas pintar por cima da parede com textura ou grafiato é um processo mais simples, menos trabalhoso e também mais econômico.

O que fazer antes de pintar a parede que já está pintada com textura?

Da mesma forma que a sujeira, manchas e poeiras são consideradas inimigas da pintura da parede, o mesmo ocorre em relação a uma parede com textura que irá ser repintada.

Sendo assim, é necessário sempre preparar a parede antes de executar a pintura.

Para tanto, perceba se o acabamento da parede descascando com facilidade, se soltando. Se a resposta for positiva, será preciso raspar e deixar a parede limpinha.

Também é importante a aplicação de um fundo preparador, para que a tinta, ao ser aplicada na superfície, tenha maior aderência.

No caso de preparar a parede com textura para a pintura, sem a necessidade de raspar ou descascar algo, é interessante seguir alguns macetes para proceder com a limpeza.

Por exemplo:

1) Com uma escova de aço, faça um lixamento suave para não perder o efeito da textura;

2) Em seguida, faça uma limpeza com um pano umedecido para retirar os resíduos de pó;

3) Agora você pode repintar a sua textura utilizando a cor desejada.

Fonte: Clube das Tintas

Outro ponto importante antes de pintar a parede, é preparar todo o ambiente. Isso inclui desde a retirada de móveis e objetos variados que podem ser removidos, até cobrir aqueles que não podem ser retirados. Isso também envolve cobrir o piso e utilizar fita crepe, com o intuito de isolar os locais e itens que não devem ser pintados.

Pintar parede que já tem textura : qual tinta usar?

Quando vamos pintar uma parede que tem a textura aplicada, a indicação é o uso de tintas acrílicas.

Aqui mesmo no site do Clube das Tintas, temos diversas cores e marcas em tintas acrílicas à sua escolha. O motivo que justifica a indicação da tinta acrílica na pintura de paredes que já tem textura é o fato dela promover a secagem otimizada. Dessa maneira, é possível aplicar camadas mais finas de tinta e assim, simplificar todo o procedimento.

De que maneira devo pintar?

É preciso levar em consideração, o fato de que textura deixa a parede com a superfície irregular. Por isso, é sempre importante dar uma atenção mais do que especial para o grande protagonista da pintura. Não, não estamos nos referindo a você, caro (a) pintor (a). Mas, ao rolo de pintura.

Além de ser interessante o uso de um rolo de lã, a forma de manuseá-lo é determinante para que a pintura em cima da textura, seja bem-sucedida.

Por exemplo, prefira deixa-lo mais encharcado do que o de costume. Assim, o preenchimento da parede ou estrutura a ser pintada, será melhor e mais amplo.

E já que falamos do rolo, confira a lista completa dos materiais que você precisará:

– Rolo de lã

– Pincel

–Bandeja

– Lona plástica

– Massa de textura

– Fita crepe

– Tinta

Fonte: Clube das Tintas

Algumas observações finais sobre como pintar uma parede já pintada com textura

Que a textura revela uma ótima alternativa de decoração e proteção para a parede, todos nós sabemos. Contudo, aquele mito de que é difícil repintar ou que não pode pintar sobre ela, também foi superado após o que te contamos durante este artigo, não é mesmo?

O detalhe é que a pintura pode ser apenas um pouco mais lenta do que se a pintura fosse em uma estrutura completamente lisa.

Siga sempre as instruções que constam na lata da tinta, que com certeza o resultado será poderosamente belo!

Quer mais dicas? Fique de olho nos próximos conteúdos e não deixe de compartilhar este post com seus amigos. Até a próxima!