/  Paredes   /  PINTURA DE PAREDE PASSO A PASSO

PINTURA DE PAREDE PASSO A PASSO

Quem nunca admirou uma casa ou imóvel, devido a qualidade ímpar da pintura de parede? As cores dão o tom necessário para que a permanência no ambiente seja agradável e para que o aspecto local seja bonito, agradável e de bom gosto.

É bem provável que você se pergunte, qual seria o segredo de uma pintura de parede bem-feita, capaz de renovar cada cômodo e dialogar em perfeita harmonia, com os demais elementos decorativos que compõem a estética local.

Será que apenas um profissional é capaz de realizar esta proeza ou a arte de pintar um imóvel está ao alcance de todos?

Os segredos da pintura de parede passo a passo, implicam é claro, na qualidade da mão de obra, mas não apenas nisto. O uso dos materiais adequados, acessórios e sobretudo, da tinta de qualidade superior, contribuem para o sucesso desta empreitada.

Quer saber como executar a pintura de parede passo a passo e ser bem-sucedido (a) nesta missão?  O Clube das Tintas irá te mostrar como, com as dicas que reunimos com nossos melhores profissionais. É só continuar acompanhando nosso post!

Pintura de parede: ferramentas e acessórios  

Pintura-de-parede-passo-a-passo

Renovar o ambiente é fundamental, até porque, chega um momento em que no mínimo, cansamos das mesmas cores e a mesma decoração. Mas antes de colocar o plano de pintar as paredes do imóvel em ação, é preciso juntar todas as ferramentas e acessórios que serão usados nesta tarefa, certo?

Afinal, não basta apenas pintar as paredes. Há casos onde se fará necessário preparar a superfície que será pintada, o que envolve por sua vez, alguns materiais além do básico.

Como cada caso é um caso, veja a seguir uma lista generalizada do que é ou poderá ser necessário para pintar as paredes, lembrando que cabe a cada um, adequar um ou outro material, de acordo com suas necessidades.

Vamos então ao que é preciso? Tome nota:

  • Tinta;
  •  Massa regularizadora;
  • Fundo preparador;
  • Solvente;
  • Pinceis e rolos;
  • Trincha;
  • Lixas;
  • Bandeja para tinta;
  • Espátula;
  • Pano para limpeza do piso;
  • Jornal, lona, plásticos, etc., para cobrir móveis e pisos;
  • Luvas de proteção;
  • Extensor de rolo;
  • Escada;
  • Desempenadeira;
  • Óculos;
  • Capacete;
  • Misturador de tinta;
  • Roupas e sapatos velhos;
  • Calculadora.

Pintura de parede: preparando o ambiente

Pintura-de-parede-passo-a-passo

Reuniu os utensílios que te ajudarão na tarefa de pintura das paredes? Então o próximo passo é preparar o ambiente onde será executada a pintura.

Antes porém, vista seu traje de pintura, ou seja, as roupas mais velhinhas, pois, por mais que você tenha todo o cuidado e use rolo anti gota , por exemplo, sempre acaba acontecendo algum respingo que poderá atingir sua roupa.

Feito isso, afaste ou retire os móveis e objetos do cômodo, e aqueles que não puder tirar, lance sobre eles a proteção de lonas e plásticos, fixando com fita crepe. Tomadas e janelas também devem ser isoladas. Ok?

O mesmo vale para o piso, onde você poderá colocar jornal, papelão e demais materiais como cobertura, para protegê-los. E não esqueça também de passar fita crepe nos rodapés, batentes, etc.

Pintura de parede: criando a superfície perfeita

A parede está com a tinta antiga descascando? Use a espátula para retirar as cascas e lixe toda a superfície necessária. Se houver imperfeições na parede, use massa corrida e espere secar para depois, lixar e deixar a parede lisinha.

Sempre que lixar a parede, procure utilizar um paninho úmido, para assim, retirar o pó da superfície.

Após verificar estes detalhes, pode ser necessário o uso de um selador. Também conhecido como primer, este produto garante o melhor acabamento e aumenta a durabilidade da pintura.

Pintura de parede: cálculo de tinta

A maior das dúvidas quando falamos sobre pintura de paredes provavelmente seja a quantidade de tinta. Afinal, já pensou se sobrar grande quantidade, ou pior, faltar e depois não encontrar em tempo hábil, a mesma tinta?

Clicando aqui você tira todas suas dúvidas sobre esta questão.

Pintura de parede: qual tinta é a melhor?

Sabe aquela tinta baratísisma? Em praticamente 100% dos casos, ela fará valer a máxima de que o barato sai caro. Não que você precise pagar uma fortuna em uma lata de tinta, mas sim, escolher aquela que lhe proporcione a melhor relação custo X benefício.

Além disso, há outros aspectos importantes. Por exemplo: qual tipo de acabamento você busca? Irá pintar ambiente interno ou externo? Todas estas situações irão direcionar a determinado estilo e tipo de tinta.

Por conhecermos de perto a qualidade superior dos produtos Coral, indicamos as seguintes tintas para pintar as paredes do imóvel:

Passo a passo

Tudo pronto? Tinta escolhida? Então siga as etapas:

1-      Misture a tinta e despeje um pouco dentro da bandeja;

2-      Molhe o rolo com a tinta;

3-      Aplique a primeira demão de tinta na parede;

4-      Faça esta aplicação com movimentos de vai e vem, de forma uniforme;

5-      Nos locais mais altos, use a escada e/ou extensor de rolo e também os óculos (transparente) de proteção;

6-      Pinte com o pincel os cantos e demais partes onde o rolo não consegue pintar;

7-      Após cerca de 4 horas da primeira demão, aplique a segunda;

8-      Dê o retoque final dos cantos;

9-      Espere secar e pronto! Caso ainda necessite de mais uma mão, é só seguir a mesma rotina de pintura.

Viu como é fácil? Fique ligado (a) no blog que temos muitas outras dicas e novidades por vir!

 

Deixar um Comentário