/  Dicas   /  Pintura de vaga de garagem de condomínio

Pintura de vaga de garagem de condomínio

Seja você um síndico responsável pelo condomínio, ou profissional de pintura, ou até mesmo um pintor amador, a pintura de vaga de garagem de condomínio é uma tarefa importante de se realizar.

Seja pelo aspecto visual, seja pela demarcação correta da vaga de garagem, ou ainda pela questão da legislação, como é o caso da vaga reservada para deficientes, a pintura de vaga de garagem implica em alguns detalhes importantes.

Com certeza você aí do outro lado da telinha está com dúvidas em relação ao tema, não é mesmo?

Para te ajudar na missão de executar a pintura de vaga de garagem de condomínio, novamente recrutamos os maiores especialistas no assunto, os Doutores em Tintas do Clube das Tintas!

Qual tinta usar? Como proceder? Enfim, o que você precisa saber em relação a pintura de vaga de garagem de condomínio, você confere aqui, no Clube das Tintas.

Os detalhes fazem a diferença

Quando se fala em pintura de estacionamento de condomínio, estacionamentos comerciais em geral e demarcação de vagas, é importante, acima de tudo, se ater aos detalhes.

Afinal, é preciso, além da demarcação e sinalização de solo com os devidos avisos, demarcação de vagas de garagem para carros, motos e máquinas, utilizar as normas vigentes e também a tinta ideal.

Ou você acha que ao usar qualquer tipo de tinta no solo, está tudo certo?

Aliás, assim como a pintura de paredes, pode ser muitas vezes necessário preparar também o piso onde a tinta será aplicada.

Lembre-se que ao pintar as vagas de garagem no condomínio, poderá ser necessário fazer as faixas demarcatórias, bem como a numeração das respectivas vagas dos moradores, sinalizando o estacionamento corretamente, evitando assim algum tipo de confusão.

Materiais necessários

Para realizar a pintura de vaga de garagem de condomínio você irá precisar de alguns materiais, como:

  • Um frasco de detergente de cozinha;
  • Tinta epóxi;
  • Rolo de pintura resistente a tinta epóxi;
  • Lixa nº 360 ou 400;
  • Pano limpo;
  • Água sanitária, no caso de houver algum tipo de mofo no piso da garagem;
  • Pinceis;
  • Fita crepe;
  • Fita métrica;
  • Equipamentos de proteção, como por exemplo óculos de segurança para proteção das vistas;
  • Máscara de pó;
  • Luvas para proteção das mãos.

Antes de fazer a demarcação e pintar as vagas de garagem, é importante preparar o local para receber a pintura.

Dependendo do tipo de piso, poderá ser necessário lixar e também retirar o mofo. O ideal é deixar o piso limpo, sem poeira, ou qualquer outro tipo de resíduo ou sujeira, como graxa, óleo, gordura, etc.

Portanto, lavar o pavimento, com detergente e/ou sabão, é imprescindível.  Até mesmo aquelas pedrinhas, areia e folhar que caem de árvores próximas, poderão ser barreiras na execução da pintura, afetando a qualidade do serviço.

Faça a marcação

Outro ponto importante é fazer a marcação exata das vagas, sinalizando com faixas e números.

No que se refere aos números, há no mercado moldes prontos em stencil (são moldes vazados), bastando apenas que você preencha de tinta por meio do pincel.

No geral, é possível marcar as faixas com o uso tanto de uma linha quanto de uma fita métrica ou até mesmo com giz.

Quanto as dimensões utilizadas, de acordo com as normas vigentes temos:

  • Largura da Faixa: 10 centímetros;
  • Comprimento da faixa: 5 metros;
  • Distância entre as faixas: 2,5 metros.

Outro fator importante e que poderá ser necessário em estacionamentos em geral, não necessariamente em um condomínio, onde de acordo com as regras locais cada morador tem direito a uma vaga, é a pintura da sinalização de vaga de cadeirante e/ou deficiente.

A exemplo do número, há moldes e stencil que podem ser facilmente preenchidos, com o auxílio de pincel ou rolinho de espuma, por exemplo.

Tinta epóxi e mãos à obra

Você deve ter percebido que na lista de materiais a se utilizar durante a pintura, mencionamos a tinta epóxi.

Ideal para áreas úmidas ou com maior desgaste, este tipo de tinta é uma das mais indicadas quando nos referimos a pintura de vaga de garagem.

A Coral tem uma incrível linha de tinas neste sentido, como por exemplo, a Coral Wandepoxi:

É uma tinta epóxi base água minicomponente e sem cheiro de secagem rápida e ação antimofo. Forma uma película de ótima dureza, alta resistência à abrasão, durabilidade, fácil de limpar e repelente a água. Embeleza e protege as superfícies sem ocorrência de calcinação. Possui excelente aderência, além de ser fácil de aplicar. Indicado para uso externo e interno em: azulejos, piso de concreto, reboco com massa acrílica, concreto, pastilhas, vidros, aço carbono previamente preparado, aço galvanizado, alumínio e superfícies de madeira previamente preparadas.

(Fonte: https://www.coral.com.br/pt/dicas-e-conselhos-de-decoracao/azulejos-renovados-com-wandepoxy-base-agua).

Escolhida a tinta, agora não há muito segredo. Chão limpinho e demarcado, a vaga, da garagem só precisa então ser pintada.

Basta lançar mão do rolo de lã e ou pincel, mergulhá-lo na tinta, sempre retirando o excesso. Aí é só aplicar na área previamente demarcada.

Leia sempre as instruções de uso que constam na embalagem da tinta, e respeite o tempo de secagem, antes de aplicar as demãos que julgar necessárias.

Depois da secagem, as vagas já poderão ser liberadas para o uso dos moradores do condomínio.

Dúvidas sobre o tema? Estamos aqui para lhe ajudar, fale conosco e não esqueça de compartilhar este artigo em suas redes sociais.

Deixar um Comentário